< Voltar

Aprovado em testes de limite estrutural, G650 inicia voos à Mach 0,92

A previsão é de que o programa de testes culmine com a certificação e entrada em serviço do avião no ano de 2012.

Envie a um amigo Curtir
Tweet

05/04/2010

Aprovado em testes de limite estrutural, G650 inicia voos à Mach 0,92

Tendo finalizado com sucesso os testes estáticos de carga limite estrutural, quando a aeronave tem sua estrutura forçada até que se atinja as cargas máximas que nela serão aplicadas durante a operação normal, o Gulfstream G650 iniciou seus voos de teste nas mais altas velocidades que irá alcançar em serviço.

 

Necessária para que os engenheiros tivessem a certeza de que a estrutura não apresentaria problemas, a aprovação nos testes de carga limite de acordo com os padrões da FAA permitiram que em voo realizado na segunda-feira (03/05) o G650 atingisse pela primeira vez a velocidade máxima operacional de Mach 0,925.

 

"Mesmo próximo à velocidade do som (Mach 1), a aeronave proporciona características de manobrabilidade estáveis e precisas", disse o piloto de teste chefe da Gulfstream, John O'Meara, responsável pelo voo.

 

O número tem especial importância por ter sido prometido pela fabricante quando iniciou o desenvolvimento do avião, tendo como objetivo fazer dele o mais veloz jato da categoria de transporte nos céus, deixando em segundo lugar o Citation X.

 

Dando sequência ao programa de testes, o próximo passo será iniciar as avaliações estáticas de carga máxima, fase na qual serão aplicadas à estrutura da aeronave forças que excedem em 50% o limite a ser enfrentado em em serviço.

 

Enquanto isso, no campo dos voos, terão início as avaliações de velocidade máxima de mergulho, quando o G650 será levado a velocidades de até Mach 0,990, ficando a uma fração da barreira do som.

 

Mantendo o cronograma atual, a previsão da Gulfstream é de que o programa de testes culmine com a certificação e entrada em serviço do avião no ano de 2012.

 

Veja no Portal CR



Fonte: www.portalcr.com.br

Autor: Portal CR