< Voltar

Bombardier renomeia Global 7000 para Global 7500 e lança dois novos modelos

Jato ultra-long-range terá alcance adicional de 550 km

Envie a um amigo Curtir
Tweet

29/05/2018

Bombardier Global 7500

 

A Bombardier renomeou seu jato executivo Global 7000 para Global 7500. O anúncio foi feito durante a EBACE 2018, que ocorre em Genebra entre os dias 29 a 31 de maio. Segundo a fabricante, a decisão foi graças ao alcance adicional de 300 mn (555 km) adquirido recentemente pelo jato da categoria ultra-long range, que agora alcança 7.700 mn (14.260 km). Além disso, as distâncias para pouso e decolagem também foram reduzidas.

O aumento do alcance irá permitir que o Global 7500 voe sem escalas em rotas de alta demanda como Nova York a Hong Kong ou de São Francisco a Singapura, por exemplo, com velocidade máxima de cruzeiro de Mach 0.925.

Além disso, a distância de decolagem do Global 7500 será de 1.768 m com máximo de combustível e nas condições normais de operação, ao invés dos 1814 m previstos anteriormente. A distância para pouso também foi reduzida de 907 m para 868 m.

Com preço de US$ 72 milhões, a homologação do Global 7500 está prevista para a segunda metade de 2018 com a entrada em serviço logo em seguida. A Bombardier possui uma frota de 5 aeronaves de teste que já acumularam mais de 2000 horas de voo.

A Bombardier também revelou o lançamento dos modelos Global 5500 e Global 6500, que utilizarão os novos motores Rolls-Royce Pearl de 15.125 lb de empuxo. Em comparação com os modelos Global 5000 e 6000, as novas aeronaves terão uma economia de combustível de 13% e um ganho de alcance de 500 mn (926 km) no Global 5500 e 600 mn (1111 km) no Global 6500, atingindo um alcance máximo de 5.700 mn (10.556 km) e 6.600 mn (12.223 km) respectivamente, o que permite ao Global 5500 voar de São Paulo a Paris sem escalas. A velocidade máxima de cruzeiro também irá aumentar de Mach 0.89 para Mach 0.90 e os custos operacionais serão reduzidos.

Redação FlightMarket