< Voltar

Epic E1000 faz primeiro voo

Com preço de USD 2.95 milhões, fabricante espera iniciar as entregas do monoturboélice no próximo ano.

Envie a um amigo Curtir
Tweet

01/06/2016

Epic E1000 faz primeiro voo

A Epic Aircraft realizou com sucesso o voo inaugural do protótipo do monomotor turboélice E1000, denominado FT1, colocando a fabricante na reta final para obter a certificação no próximo ano.

O FT1 fez seu primeiro voo em 19 de dezembro no aeroporto de Bend, em Oregon, EUA. Após 20 minutos de voo, o piloto de testes David Robinson reportou “a aeronave performou extremamente bem, exatamente como esperávamos,” de acordo com um comunicado da Epic.

Os testes com o Epic E1000 irão continuar durante os próximos meses, avaliando a capacidade de manobra, desempenho operacional, superficies de comando, testes com falhas em equipamentos e voo em condições extremas de meteorologia.

O segundo protítipo, FT2, está programado para voar a partir de março e será o mais próximo possível do modelo de produção do E1000, tanto em equipamentos quanto no processo de produção.

Os testes com o FT2 irão abranger a funcionalidade da cabine, aviônicos, sistemas hidráulicos, combustível e navegação.

Com preço de USD 2,95 milhões, o E1000 é equipado com motor Pratt & Whitney PT6A-67A de 1.200hp, permitindo uma velocidade máxima de 325 ktas ou mais, alcance de 1.650 mn (3.055 km), velocidade de subida de 4000 pés/minuto, teto operacional de 34.000 pés e capacidade de carga (com tanque cheio) de 1.120 lb (510 kg).

Redação FlightMarket