< Voltar

LABACE 2010 acontece de 12 a 14 de Agosto no Aeroporto de Congonhas (SP)

O segundo maior evento do mundo de aviação executiva deve atrair mais de 15 mil visitantes, entre potenciais clientes e profissionais do setor.

Envie a um amigo Curtir
Tweet

29/07/2010

LABACE 2010 acontece de 12 a 14 de Agosto no Aeroporto de Congonhas (SP)

De 12 a 14 de agosto, São Paulo vai sediar o segundo maior evento do mundo de aviação executiva. É a Labace (Latin American Business Aviation Conference and Exhibition) que já está na 7ª edição este ano e acontece mais uma vez no Aeroporto de Congonhas, em São Paulo (av. Washington Luís, 6000 - Portão 3). Estarão presentes mais de 140 expositores e 56 aeronaves executivas. Os ingressos custam R$ 90 para os três dias de evento, mas não dão direito às palestras ou seminários.

 

Uma fila de espera para expositores surpreendeu os organizadores da Labace esse ano e o evento está totalmente comercializado semanas antes do previsto. Em nenhuma das seis edições anteriores houve tamanha procura de empresas do setor. Já são presenças confirmadas, Embraer, Helibras Gulfstream, Bombardier, Dassaut, Pilatus, Agusta, TAM Aviação Executiva, Líder Taxi Aéreo, entre outros.

 

Dos 140 expositores, 40 participam pela primeira vez. Em 2009, na Labace foram 101 expositores, 50 aeronaves em exposição e um público de mais de 13 mil pessoas. O evento vem crescendo a cada ano estimulado pelo sucesso da organização e pela expansão da aviação executiva em toda a América Latina.

-

ABAG lança campanha

 

Neste ano, a ABAG (Associação Brasileira de Aviação Geral), organizadora da Labace, lançará a campanha "Aviação Geral: vetor de desenvolvimento e inclusão social", com o objetivo de discutir com a sociedade a relevância da aviação executiva para o desenvolvimento das mais de 3.500 cidades que possuem aeródromos, mas não são servidas pela aviação comercial atualmente. No Brasil, as companhias aéreas comerciais atendem com serviço aéreo regular apenas 130 dos 5.564 municípios existentes. "A idéia da campanha é mostrar o quanto a aviação executiva é precursora, levando o empreendedorismo e, consequentemente, geração de emprego e renda por todo o país, chegando onde a aviação comercial ainda não está presente", diz Francisco Lyra, presidente da Abag.



Fonte: EGOM Assessoria de Imprensa

Autor: EGOM Assessoria de Imprensa